Diálogos no Museu: conversa com Maurício Adinolfi, Ana Paula Oliveira e Laura Vinci

A fim de destacar as últimas semanas da exposição "Caronte 7 Voltas", em cartaz até 29 de maio de 2022 no Beco do Pinto / Museu da Cidade de São Paulo, o artista Mauricio Adinolfi convida Ana Paula Oliveira e Laura Vinci para uma conversa que pretende debater o desenvolvimento e urbanismo da cidade, sua relação com o rio Tamanduateí e as modificações sociais ocorridas ao longo do tempo, temas relevantes para a mostra. A conversa ainda pretende dialogar a intervenção artística em cartaz com as instalações realizadas em 2012, também no Beco do Pinto: "Meu chapéu tá lá no alto do céu" e "No ar",  de  autoria das artistas convidadas, respectivamente. Mediação de Danilo Montingelli, coordenador do Programa Diálogos no Museu.

Serviço:
14.05, sábado, a partir das 11h
Auditório do Solar da Marquesa de Santos / Rua Roberto Simonsen, 136
Gratuito, sem necessidade de inscrição
Obrigatório apresentação do passaporte da vacina contra COVID



Alexandre Ignácio Alves integra a Coleção MAR + Enciclopédia Negra no Museu de Arte do Rio de Janeiro!

Alexandre Ignácio Alves, artista representado pela Galeria b_arco, irá integrar a exposição Coleção MAR + Enciclopédia Negra, que inaugura no sábado, dia 7 de maio, no MAR - Museu de Arte do Rio de Janeiro.

A exposição acontece em parceria com a Pinacoteca de São Paulo e inaugura no próximo sábado, dia 7 de maio, com entrada gratuita no MAR.

A obra de Alexandre que integra a exposição Coleção MAR + Enciclopédia Negra é "Isabelle", retrato em acrílica sobre tela, de 2019. Parte da série "Retratos preto sobre preto", que traz retratos em grandes formatos de jovens negros e negras moradores da Freguesia do Ó, bairro da Zona Norte de São Paulo. Utilizando a técnica grisaille que sobrepõe tons de cinza, o retrato faz parte de uma longa experimentação do artista com técnicas clássicas.

Convidamos a todos(as) para visitar a exposição no MAR e atentar a presença importante de Alexandre Ignácio Alves na mostra!

Serviço:
Coleção MAR + Enciclopédia Negra
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5 - Centro
Inauguração dia 7 de maio
Funcionamento do MAR: das 11h às 18h (última entrada às 17h)
Entrada Gratuita



Artigo na Revista FAPESP aponta diferentes linhas de pesquisa que abordam o centenário da Semana de Arte Moderna

Este artigo da Revista FAPESP deste mês, escrito por Christina Queiroz, organiza e comunica algumas das principais pesquisas que estão sendo desenvolvidas sobre o legado da Semana de Arte Moderna de 1922. Confira!

“Cem anos depois, a Semana de Arte Moderna, realizada em fevereiro de 1922 no Teatro Municipal de São Paulo, segue desafiando pesquisadores empenhados em compreender seu impacto na transformação das artes e da literatura no Brasil. Duas vertentes de análise predominam. Uma é constituída pela investigação de aspectos desconhecidos de autores e obras consagradas vinculadas ao evento, amplamente estudadas nesse século. A outra olha criticamente para a historiografia do movimento, procurando relativizar o legado da Semana. Complementares, as duas correntes disputam espaço na reconstrução da memória sobre o Modernismo.”

Para além das elaborações críticas sobre o tema, convidamos a todos(as) para visitar a exposição coletiva com artistas convidados e representados pela Galeria b_arco, que refletem em suas produções diferentes diálogos com o centenário.

___

Exposição coletiva “+100 = 22/Quantos Patos na Lagoa?” na Galeria b_arco
Exposição até 5 de março de 2022
Visitação de segunda a sexta, das 10h às 17h
Curadoria Izabel Pinheiro e Renato De Cara
Obrigatório uso de máscara e apresentação do certificado de vacina